domingo, 4 dezembro 2022

Gabriel Boric é diplomado presidente do Chile

Nesta segunda-feira, 10, por volta do meio-dia, Gabriel Boric, 36, foi diplomado presidente do Chile, em cerimônia no Tribunal Qualificador das Eleições (Tricel). Ele está apto para assumir a presidência do país no próximo dia 11 de março. A ata de promulgação da sua eleição foi assinada pela presidenta do Tribunal, ministra Rosa Egnem Saldías, acompanhada de quatro ministros e do presidente da Suprema Corte do país.

Boric estava acompanhado de sua companheira, a cientista social Irina Karamanos, 32, com quem posou para fotografias. Ele agradeceu aos milhões de eleitores e afirmou: “Darei o melhor de mim para estar a altura das expectativas que despertamos”.

O deputado do partido Convergência Social, de Frente Ampla, foi eleito com 55,87% (4.620.890 votos), derrotando o candidato da extrema direita, Jose Antonio Kast. Até a sua posse, em março, Boric segue como deputado nacional, eleito por Magallanes, no extremo sul do país. No parlamento, ele tem atuado preparando medidas relacionadas ao futuro governo, como o projeto em relação ao sistema de pensões, que está em pauta do Congresso.

Após deixar a sede do tribunal, Boric anunciou que irá divulgar todo o seu ministério até o final do mês e conclamou o parlamento a aprovar um projeto de lei e alcançar um acordo em janeiro para o indulto aos presos políticos da revolta chilena, que permanecem presos desde o estallido social, em 2019.

Publicado originalmente em Esquerda Online.

ÚLTIMAS
ASSUNTOS RELACIONADOS